Home Brasil Sobe para sete o número de mortes em nova etapa da Operação Escudo | CNN Brasil

Sobe para sete o número de mortes em nova etapa da Operação Escudo | CNN Brasil

por brunolafore
0 Comente
sobe-para-sete-o-numero-de-mortes-em-nova-etapa-da-operacao-escudo-|-cnn-brasil

A fase da Operação Escudo iniciada após a morte do soldado Samuel Wesley Cosmo, neste final de semana, chegou a marca de sete mortes contabilizadas em confrontos com a polícia, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP).

Segundo a pasta, de sexta-feira (2) até domingo (4), foram registradas sete ocorrências com confronto armado entre criminosos e policiais em comunidades da Baixada Santista.

Em uma ação na Vila dos Criadores, em Santos, três suspeitos não identificados morreram. Quatro outros suspeitos com passagens por tráfico de drogas, furtos e roubos morreram em demais confrontos.

Na comunidade México 70, em São Vicente, policiais e criminosos chegaram a entrar em confronto, porém os suspeitos fugiram.

No Morro do Pacheco, em Santos, dois criminosos que se envolveram em um tiroteio com os agentes ficaram feridos e foram presos.

Em um dos confrontos armados, um policial militar foi atingido por um disparo no ombro, mas não corre risco de morrer.

Na noite de sexta-feira (2) três suspeitos pela morte do soldado Cosmo, dois de 24 anos e outro de 22, foram detidos na Rodovia Anchieta-Imigrantes, próximo à cidade de Cubatão. Com eles, foi apreendida uma pistola calibre 9mm municiada, diversos cartões bancários, quatro celulares e um comprovante de transferência bancária no valor de R$ 96 mil.

Morte de PM

Um soldado da Polícia Militar de São Paulo (PMESP) foi morto por criminosos em Santos, município no litoral do estado, nesta sexta-feira (2). O soldado Samuel Wesley Cosmo integrava o 1º Batalhão de Polícia de Choque, que abriga os membros das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar, a Rota.

Segundo a Polícia Militar (PM), o soldado realizava um patrulhamento com uma equipe da Rota em apoio a Operação Verão na Baixada Santista quando, no bairro Bom Retiro, em Santos, foi surpreendido por um ataque de criminosos.

Samuel foi atingido e socorrido para a Santa Casa de Santos, onde passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.

A Operação Escudo foi iniciada em julho de 2023, após a morte do soldado da Polícia Militar, Patrick Bastos Reis, em um patrulhamento no Guarujá, litoral de São Paulo.

No total, a primeira fase da Operação Escudo deixou ao menos 28 pessoas mortas, 958 pessoas presas, sendo que 382 eram procuradas pela Justiça. Além disso, 117 armas de fogo e 977 quilos de drogas foram apreendidos. A ação durou 40 dias.

Essa nova ação é a oitava Operação Escudo desde julho de 2023.

*Sob supervisão de Bruno Laforé

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.