Home Região Minas Gerais vai decretar estado de emergência por causa da dengue

Minas Gerais vai decretar estado de emergência por causa da dengue

por admin
0 Comente
minas-gerais-vai-decretar-estado-de-emergencia-por-causa-da-dengue


Mais de 400 mil casos de dengue são esperados para este ano no estado, diz governo. Fábio Bacheretti, secretário de estado de Saúde, fala sobre dengue em Minas Gerais
Neste ano, os casos de dengue em Minas Gerais devem ultrapassar os 400 mil. A informação foi divulgada nesta terça-feira (23), pelo Secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti.
De acordo com o último Boletim Epidemiológico divulgado pela pasta, até esta segunda-feira (22), foram registrados 11.490 casos de dengue no estado. Um óbito foi confirmado e 14 estão em investigação.
Minas Gerais é o estado com mais casos prováveis de dengue em todo o Brasil
Segundo Bacheretti, em função desses números, o estado vai decretar situação de emergência em saúde. A expectativa é que o decreto seja publicado no Diário Oficial até o fim de semana.
“O que estamos percebendo é que, desde outubro do ano passado, a dengue está tendo comportamento de ano epidêmico muito parecido com anos que consideramos mais graves, como 2016 e 2019”, disse o secretário.
Dengue: veja como evitar, quais os sintomas, cuidados e tratamento
Minas Gerais registra a primeira morte por dengue em 2024
Em Minas, a primeira morte confirmada pela doença em 2024 foi registrada no município de Monte Belo, no Sul de Minas. Segundo o prefeitura da cidade, a vítima é uma mulher de 79 anos.
Chikungunya e Zika
Mosquito Aedes aegypti é o transmissor da dengue, zika e chikungunya
Raul Santana/Fiocruz/Divulgação
De acordo com a Secretaria de Saúde, em relação à chikungunya, foram registrados 3.067 casos e uma morte pela doença, até o momento.
Quanto ao vírus Zika, até o momento, foram registrados dois casos prováveis. Também não há óbitos confirmados ou em investigação em Minas Gerais.
Vacina contra a dengue 💉
Em dezembro do ano passado, o Ministério da Saúde anunciou a incorporação da vacina da dengue Qdenga ao Sistema Único de Saúde (SUS). A expectativa é que o novo imunizante comece a ser aplicado em fevereiro deste ano.
O ministério deve priorizar a imunização de crianças e jovens. A definição sobre por qual faixa etária e grupo a vacinação começará, além da quantidade de doses a ser distribuída aos estados, será tomada nas próximas semanas.
O Ministério da Saúde ainda está em tratativas para receber doações. Com isso, a quantidade de doses pode chegar a 6 milhões de doses.
Alerta 2024
O Ministério da Saúde fez uma projeção de casos de dengue para 2024 e afirmou que Minas Gerais tem “potencial epidêmico” de doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.
Segundo a secretaria, com a chegada do período chuvoso e das temperaturas elevadas, historicamente o número de casos de dengue, chikungunya e zika sobe significativamente.
E neste verão, a probabilidade deve ser potencializada por causa das mudanças climáticas e dos efeitos do El Niño.
Confira os vídeos mais vistos no g1 Minas:

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.