Home Mundo Inundações na Califórnia deixam mais de 900 mil pessoas sem energia elétrica  | CNN Brasil

Inundações na Califórnia deixam mais de 900 mil pessoas sem energia elétrica  | CNN Brasil

por gustavozanfer
0 Comente
inundacoes-na-california-deixam-mais-de-900-mil-pessoas-sem-energia-eletrica -|-cnn-brasil

Uma espécie de “rio atmosférico” – uma longa e estreita faixa de umidade que transporta ar saturado por milhares de quilômetros e depois o descarrega como uma mangueira de incêndio – surge logo após outra tempestade que trouxe chuvas recordes para a maior parte da Califórnia, incluindo Los Angeles, nos EUA.

Mais de 900.000 clientes estão sem energia na Califórnia, de acordo com o site de rastreamento PowerOutage, com os cortes de energia aumentando rapidamente, especialmente ao longo da costa, à medida que a chuva e os ventos fortes chegam nas partes central e sul da Califórnia, e à medida que as rajadas de vento ficam mais fortes durante a noite e amanhã.

A tempestade que aflige os EUA, porém, é muito mais lenta e espera-se que pare à medida que se move em terra, trazendo uma duração de chuva muito mais longa em comparação com a primeira.

O pior da tempestade ocorrerá entre domingo (4) e a próxima terça-feira (5), segundo o serviço meteorológico.

Espera-se que partes do litoral central e sul do estado registrem as quantidades mais significativas de chuvas e inundações. Isso inclui as áreas metropolitanas de Los Angeles e San Diego.

“Essas inundações prejudiciais serão uma ameaça a vidas e propriedades”, disse Eric Schoening, do Serviço Meteorológico Nacional, em entrevista coletiva no sábado. “Por favor, se você se deparar com uma estrada inundada, pedimos que você dê meia-volta, não se afogue.”

Muitas estradas podem inundar e pode haver grandes aumentos em riachos, córregos e rios, bem como deslizamentos de lama e rochas e fluxos de detritos, acrescentou Schoening.

Já no domingo, o Serviço Meteorológico Nacional de São Francisco relatou um deslizamento de terra na cidade. E em Santa Bárbara, mais de 480 quilõmetros ao sul, a tempestade provocou “ventos extremamente fortes”, inundações e derrubadas de árvores, disse o sargento do Departamento de Polícia de Santa Bárbara, Ethan Ragsdale à CNN.

O escritório de Newsom anunciou na sexta-feira que o estado tem 1.200 equipamentos de inverno disponíveis para remover neve e gelo das estradas, 21 equipes rápidas de resgate aquático em prontidão e membros da Guarda Nacional da Califórnia prontos para serem mobilizados rapidamente.

Mais de 7 milhões de sacos de areia foram pré-posicionados e o estado está preparado para fornecer abrigo e alimentação a mais de 37 mil pessoas.

Falando na redação da CNN no domingo, Tony Tavares, diretor do Departamento de Transportes da Califórnia, disse que seu departamento está “coordenando vários departamentos estaduais, agências regionais e locais para garantir a segurança de todos os californianos. Isso inclui o pré-posicionamento de mais de 4.000 pessoas e equipamentos contra tempestades, como bombas portáteis e geradores em todo o estado”, disse Tavares.

Carro submerso em Long Beach, na Califórnia, em 1º de fevereiro de 2024 / Allen J. Schaben/Los Angeles Times via Getty Images

Tavares descreveu os esforços do departamento como “todos no convés”, enquanto algumas equipes no norte da Califórnia monitoram áreas com cicatrizes de incêndios florestais, outras lidam com a neve e o gelo nas montanhas e equipes ao longo da costa sul observam fortes inundações.

Mais de 8.500 pessoas, incluindo equipes de resgate rápido por água e helicópteros, foram mobilizadas em todo o estado para responder a quaisquer pedidos de ajuda em potencial, disse Nancy Ward, diretora do Gabinete de Serviços de Emergência do Governador da Califórnia.

“Essas próximas tempestades serão impactantes e perigosas”, disse Ward em entrevista coletiva no sábado. “São os desastres naturais mais perigosos que temos, matando mais pessoas devido a tempestades e inundações do que incêndios florestais todos os anos.”

O impacto dos fortes ventos terrestres será sentido no norte e centro da Califórnia até domingo, eventualmente mudando para o sul da Califórnia na noite de domingo, disse o Serviço Meteorológico Nacional.

Avisos de vento e avisos de vento forte se estendem por praticamente todo o estado da Califórnia, de Redding até San Diego, afetando quase 30 milhões de pessoas.

O quanto chove em Los Angeles em um ano?

A média anual de chuva em Los Angeles é de 310 milímetros, o que significa que uma chuva equivalente a quase meio ano pode cair nas próximas 48 horas. Combinado com os outros 63 milímetros que caíram na cidade em 1º, Los Angeles poderia receber chuvas equivalentes a quase um ano apenas na primeira semana de fevereiro.

(Os meteorologistas da CNN Allison Chinchar, Caitlin Kaiser, Sara Tonks e Elisa Raffa contribuíram para este texto; com informações de Caitlin Kaiser e Elisa Raffa)

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

inglês

versão original

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.