Home Brasil Desfile do Bloco da Madrugada ocorre neste sábado no Recife | CNN Brasil

Desfile do Bloco da Madrugada ocorre neste sábado no Recife | CNN Brasil

por RIGUE
0 Comente
desfile-do-bloco-da-madrugada-ocorre-neste-sabado-no-recife-|-cnn-brasil

O bloco Galo da Madrugada existe há 46 anos e vai para o seu 44º desfile neste sábado (10). Ele é considerado o maior bloco de Carnaval do mundo, registrado desde 1994 no Livro dos Recordes (Guinness World Records).

A tradicional estátua gigante de um galo colorido (principal símbolo do bloco Galo da Madrugada) foi erguida na última quarta-feira (7) na Ponte Duarte Coelho, no centro do Recife, em Pernambuco.

O processo para levantar a estátua foi acompanhado por um show da orquestra de frevo do Maestro Forró, instalada em uma balsa no Rio Capibaribe. O evento começou no início da noite.

Também se apresentaram a Tribo de Caboclinhos Tupi, Getúlio Cavalcanti e bloco das Ilusões, além da orquestra Harmonia e Passistas da Cia. Trapiá de Dança e da Escola Municipal de Frevo.

Neste ano, o galo gigante foi criado pelo artista plástico Leopoldo Nóbrega e tem 27 metros de altura e pesa quase nove toneladas.

A estátua faz uma homenagem ao cantor de brega Reginaldo Rossi, com uma crista grisalha. O tema do Galo da Madrugada 2024 é “Reginaldo Rossi no Reinado do Frevo”.

Além disso, ela pede paz no Carnaval do Recife e em todo o mundo, com a palavra “paz” escrita nas penas da calda em 16 idiomas.

A estátua também foi feita em cinco cores diferentes para representar os cinco continentes: amarelo (Ásia), preto (África), vermelho, (América), azul (Europa) e verde (Oceania).

Em 2024, os organizadores esperam repetir a marca de público do ano passado, com 2,5 milhões de foliões seguindo os 30 trios elétricos, com dezenas de artistas, e os seis carros alegóricos por 6,5 quilômetros.

Confira a programação e as atrações do bloco clicando neste link.

Informações de Pedro Jordão, da CNN.

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.