Casa Economia Chuvas no RS: 534 mil imóveis tiveram corte de energia; 150 mil foram religados, diz ministério

Chuvas no RS: 534 mil imóveis tiveram corte de energia; 150 mil foram religados, diz ministério

por Editor
3 visualizações
chuvas-no-rs:-534-mil-imoveis-tiveram-corte-de-energia;-150-mil-foram-religados,-diz-ministerio

Desse número, cerca de 150 mil já tiveram o fornecimento restabelecido, também segundo dados do ministério. O número pode mudar em razão de novas mudanças no céu dos 162 municípios afetados.

De acordo com o último boletim divulgado pela Defesa Civil do estado, 85 morreram durante as enchentes. O boletim divulgado no início da noite ainda aponta que há outros 4 óbitos sendo investigados. O estado registra 134 desaparecidos e 339 feridos.

  • 183 mil nas áreas atendidas pela Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) Equatorial, como Eldorado do Sul, Guaíba, Porto Alegre, Alvorada e Viamão;
  • 260 mil na área da Rio Grande Energia (RGE), na região Metropolitana de Porto Alegre e em áreas como Vale do Taquari , Vale dos Sinos, Vale do Rio Pardo, Serra e Planalto (6,1 mil).

O ministério informou, ainda, que 4 mil pessoas têm atuado em uma força-tarefa para manter o abastecimento de energia e de combustíveis no estado.

Atualmente, segundo a pasta, 450 mil imóveis seguem sem fornecimento de eletricidade por motivos de segurança ou por problemas de acesso às distribuidoras em razão do avanço da água nas cidades afetadas no estado.

Nesta segunda, em entrevista à imprensa, o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, afirmou que deverá visitar o estado ao longo desta terça (7).

Silveira disse que passará pelo RS após compromissos no Paraguai. O ministro declarou ter recebido orientação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com quem se reuniu na manhã desta segunda, para acompanhar a situação no estado.

O objetivo, segundo Silveira, é “prever novos problemas” e evitar que desabastecimentos atinjam setores essenciais para a crise, como hospitais.

“Acho que tudo aquilo que pode ser feito pelo governo federal tem sido feito”, afirmou.

Misturas em combustíveis

O Ministério de Minas e Energia também anunciou uma medida para assegurar o fornecimento de combustíveis no Rio Grande do Sul.

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) aprovou nesta segunda (6) uma medida que permite flexibilizar — temporariamente no estado — os percentuais obrigatórios de mistura de biodiesel no diesel e de etanol na gasolina.

Pela medida da ANP, o diesel poderá ter, no mínimo, 2% da mistura de biodiesel no Rio Grande do Sul. Atualmente, o percentual é de 14%. Na gasolina, será possível adicionar, no mínimo, 21% de etanol, ante 27% da regra atual.

As regras flexibilizadas para o Rio Grande do Sul valerão por 30 dias, contados a partir de 3 de maio.

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

CONTATOS

noticias recentes

as mais lidas

Jornal de Minas © Todos direitos reservados à Tv Betim Ltda®