Home Região Alerta de desaparecimento de crianças e adolescentes de MG passa a ser enviado pelas redes sociais; DF e Ceará já têm programa

Alerta de desaparecimento de crianças e adolescentes de MG passa a ser enviado pelas redes sociais; DF e Ceará já têm programa

por admin
0 Comente
alerta-de-desaparecimento-de-criancas-e-adolescentes-de-mg-passa-a-ser-enviado-pelas-redes-sociais;-df-e-ceara-ja-tem-programa


Parceria entre governo e a Meta vai alertar população que reside a até 160 km do local do sumiço. Ilustração de uma publicação alertando sobre o desaparecimento de crianças no Brasil
Divulgação/Meta
Um programa dos governos estadual e federal em parceria com a Meta, empresa responsável por Facebook e Instagram, está lançando alertas com informações sobre crianças e adolescentes desaparecidos em Minas Gerais, batizado de “Alerta Amber”.
As mensagens chegam até os usuários por meio de anúncio no feed das redes sociais, com informações sobre o sumiço, como último local visto, roupa que estava usando e uma foto.
“Após a ocorrência de registro de desaparecimento de criança e adolescente que corra risco de lesão corporal ou morte, a Polícia Civil comunica o Ministério da Justiça e Segurança Pública, que comunica a Meta. […] Após a análise dos requisitos, as redes sociais emitem um alerta aos usuários de 160km contendo as informações”, explicou a delegada de polícia Ingrid Estevam.
O serviço é totalmente gratuito e a pessoa desaparecida precisa cumprir os requisitos necessários — ser menor de idade e correr risco de lesão corporal ou morte.
Página do Alerta Amber.
Divulgação/PCMG
Eficácia
O projeto já está em funcionamento no Distrito Federal e no Ceará e estava em fase de testes em Minas Gerais desde o fim do ano passado. Em novembro, houve o primeiro alerta de uma criança de nove anos desaparecida em Belo Horizonte.
O desaparecimento foi registrado no dia 30 de novembro. A mãe procurou a delegacia no dia 1º de dezembro, data do primeiro alerta enviado pelas redes sociais. A criança foi localizada no dia seguinte, em 2 de dezembro, em Ribeirão das Neves.
“O alerta demonstrou eficácia, contribuindo concomitantemente com outras diligências para a localização do menor”, completou a delegada.
LEIA TAMBÉM
Meta e Ministério da Justiça anunciam parceria para localizar crianças desaparecidas no Brasil
Desaparecimento de criança de Taguatinga é o primeiro notificado no DF em sistema de alerta em redes sociais
O que fazer em caso de desaparecimento?
Em caso de desaparecimento de criança ou adolescente, a família deve procurar uma delegacia da Polícia Civil, uma unidade da Polícia Militar ou a Delegacia Virtual com documento de identidade do solicitante e foto recente da vítima.
O registro deve ser feito imediatamente após a percepção da quebra da rotina da pessoa desaparecida. A orientação é não aguardar 24 horas ou mais para procurar as autoridades.
Menino Edson Davi na beira d’água pouco antes do seu desaparecimento
Vídeos mais assistidos do g1 MG

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.