Home Mundo Adolescente é preso acusado de aplicar golpes na polícia dos Estados Unidos | CNN Brasil

Adolescente é preso acusado de aplicar golpes na polícia dos Estados Unidos | CNN Brasil

por tiagotortella
0 Comente
adolescente-e-preso-acusado-de-aplicar-golpes-na-policia-dos-estados-unidos-|-cnn-brasil

Um adolescente de 17 anos da Califórnia, nos Estados Unidos, está sendo acusado de ser responsável por centenas de golpes conhecidos como “swatting” e ameaças de bomba em todo o país, de acordo com um mandado de prisão preventiva.

Swatting é a prática de fazer uma denúncia falsa à polícia com a intenção de atrair as forças de segurança para um local, dizendo que um crime violento ocorreu ou está em andamento.

Alan Filion foi enviado pelas autoridades para a Flórida em 30 de janeiro para enfrentar acusações por um golpe envolvendo uma mesquita, de acordo com o Gabinete do Procurador do Estado do Condado de Seminole.

Esse tipo de golpe está no radar do FBI, a agência nacional de investigações dos EUA, há quase duas décadas e ficou mais conhecido à medida que celebridades se tornaram alvo.

Ele também atingiu o campo político, uma vez que juízes federais e legisladores foram sujeitos a falsas chamadas de emergência, assim como com os edifícios de Congresso estadual e até mesmo a Casa Branca.

Entenda a acusação

Filion ameaçou um tiroteio em massa na mesquita Masjid Al Hayy em Sanford, na Flórida, em um telefonema de maio de 2023 para as autoridades, de acordo com um comunicado à imprensa do Gabinete do Xerife do Condado de Seminole.

Durante a ligação, Filion disse que tinha uma arma e dispositivos explosivos, informou o comunicado. Em uma ligação para o serviço de emergência divulgada pelo departamento, é possível ouvir a pessoa que ligou afirmando que vai “cometer um tiroteio em massa em nome de Satanás”. Tiros são ouvidos na gravação.

Aproximadamente 30 policiais foram à mesquita, destacou o gabinete do xerife.

Filion também teve como alvo escolas secundárias, faculdades que historicamente possuem muitos estudantes negros, mesquitas, escritórios do FBI e agentes do FBI, e fez ameaças de bombardear bases militares e o Pentágono, ressaltou o gabinete do procurador do estado no processo judicial.

O Gabinete do Xerife do Condado de Seminole explicou que os policiais trabalharam com o FBI e o Departamento de Justiça para rastrear a ligação para o serviço de emergência sobre a mesquita para a casa de Filion em Lancaster, na Califórnia.

O gabinete do xerife disse que o adolescente criou várias contas em sites que oferecem serviços de golpes, e “vários endereços IP conectados a essas contas” levaram ao seu endereço residencial.

Em julho de 2023, as autoridades destacaram que executaram um mandado de busca no endereço residencial de Filion. Ele foi preso em 18 de janeiro.

O jovem foi acusado como adulto e enfrenta três acusações criminais de relato falso e uma acusação criminal de uso ilegal de um dispositivo de comunicação bidirecional.

Cada acusação diz sobre que os atos foram feitos ao mesmo tempo em que facilitou ou promoveu um ato de terrorismo enquanto demonstrava preconceito.

Os registros do tribunal mostram que Filion se declarou inocente e permanece sob custódia. Um advogado que o representa recusou comentar à CNN.

“O golpe é um crime perigoso e sem sentido, que coloca vidas inocentes em situações perigosas e esgota recursos valiosos. A resposta substancial da aplicação da lei neste caso de golpe ressalta nossa dedicação inabalável à segurança da comunidade e à responsabilização dos infratores, independentemente de onde estejam localizados”, disse a xerife do condado de Seminole, Dennis Lemma.

“Não se engane, continuaremos trabalhando incansavelmente em colaboração com nossos parceiros policiais e o judiciário para prender os perpetradores do golpe”, advertiu

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

inglês

versão original

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Estamos em construção…

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

JM – Jornal de Minas© Todos direitos reservados.